Publicada em 25 de junho de 2019 - 19:35

Bolsonaro recua e decide revogar decreto das armas

Após derrota no Senado, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), decidiu revogar o decreto que facilita o porte de […]

Após derrota no Senado, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), decidiu revogar o decreto que facilita o porte de armas. A informação foi dada pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, em reunião com senadores na tarde desta terça-feira (25).

O Senado aprovou na semana passada parecer do senador Veneziano Vital (PSB) para suspender o decreto. Assinado em maio por Bolsonaro, o decreto concede porte a 20 categorias profissionais e aumenta de 50 para 5 mil o número de munições que o proprietário de arma de fogo pode comprar anualmente.

 

 

MaisPB