Publicada em 31 de dezembro de 2018 - 12:37

Diego Tavares é apontado para ser o candidato de Cartaxo a prefeito de João Pessoa em 2020

Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Após as posses dos recém eleitos em 2018, que acontece em janeiro ( […]

Diego-Tavares_Meus amigos, minhas amigas, meus caros leitores. Após as posses dos recém eleitos em 2018, que acontece em janeiro ( presidente e governadores ) e fevereiro ( deputados e senadores ) de 2019, vai ser deflagrado os primeiros passos, as primeiras pesquisas e as especulações dos possíveis nomes que deverão disputar as eleições municipais ( prefeitos e vereadores ) de 2020 em todo o país.

Aqui na Paraíba, João Pessoa e Campina Grande, são as cidades que mais chamarão a atenção com relação às sucessões dos prefeitos Luciano Cartaxo e Romero Rodrigues. Com relação à futura disputa na Rainha da Borborema, este será tema de um próximo artigo. Hoje, vamos especular e nos referir à próxima disputa municipal na capital do estado. Então, quem será quem? Quem vai ser o sucessor de Luciano Cartaxo?

Eis a questão! Quem quiser que se engane, porém, o candidato do governo estadual à sucessão municipal em 2020, em João Pessoa, será o ex-prefeito da capital e ex-governador do estado, Ricardo Coutinho. Indubitavelmente, um fortíssimo candidato que vai tentar voltar ao poder municipal, uma vez, que já foi prefeito por duas vezes e fez boas administrações. No entanto, apesar de ser a preço de hoje o grande favorito, Ricardo, não é imbatível, pois, tudo vai depender do “andar da carruagem” daqui para a frente.

E esse “andar da carruagem” a que me refiro, vai depender das gestões, ações e estratégias políticas, comandadas pelo governador João Azevedo e pelo prefeito Luciano Cartaxo, à partir de 2019. Sem falar, na possibilidade de uma interferência positiva ou negativa, contra ou a favor, advinda da parte do governo federal, sob o comando do presidente Jair Bolsonaro. Na verdade, a maneira de se fazer política mudou bastante, por isso, cabe aos futuros candidatos a prefeitos e vereadores, saber agir e fazer diferente.

Mas, com relação a eleição de João Pessoa em 2020, quem vai ter tutano para encarar e enfrentar Ricardo Coutinho? A preço de hoje e de acordo com os últimos resultados políticos, NINGUÉM! No entanto, se o prefeito Luciano Cartaxo, impuser um ritmo mais acelerado e mais audacioso em suas ações administrativas e políticas perante a nossa capital, poderá SIM, eleger o seu sucessor, pois, eu sempre disse e repito, que eleição municipal é diferente de eleição estadual.

Então, quem seria o candidato apoiado por Cartaxo, para enfrentar Ricardo, em 2020, com chances de vitória? Não sou vidente, nem tenho bola de cristal, porém, entre os nomes que já circulam por aí nos bastidores, um deles, tem me chamado a atenção: o jovem e competente DIEGO TAVARES, pessoa leal e da estrita confiança do prefeito, que tem apresentado como secretário municipal, bons resultados, é um bom articulador, ficha limpa, de tradicional família paraibana e que foi eleito 1º suplente da senadora, Daniela Ribeiro, a grande surpresa e fato novo da eleição de 2018.

É bom frisar que Diego, teve uma importante participação na eleição de Daniela. Claro, que existem outros bons nomes dentro do grupo político de Cartaxo, no entanto, para enfrentar com determinação RICARDO COUTINHO em 2020, com chances de vitória, tem que ser um jovem arrojado, competente e dinâmico, por isso, até agora, com todo respeito aos demais postulantes, só vislumbro o nome de DIEGO TAVARES.

Porém, todavia, no entanto, o jovem Diego Tavares, precisa sair da toca, ter mais visibilidade e se tornar mais conhecido em nossa capital e tudo isso, vai depender dele e principalmente, das ações e estratégias do prefeito Cartaxo, a partir de agora. É também fundamental e urgente, que Luciano Cartaxo, assuma de uma vez por todas o comando e a liderança das oposições no estado, caso contrário, vão cair no mesmo erro de 2018. Além disso, num olhar mais a distante, é imprescindível, que Luciano Cartaxo, faça seu sucessor em 2020, para poder viabilizar sua candidatura ao governo do estado em 2022. Respeito às opiniões em contrário, no entanto, entendo que o caminho da oposição seja por aí, pois, o caminho do governo já está definido, ou seja, Ricardo Coutinho, para 2020 e João Azevedo, na reeleição para 2022.

É preciso entender que cada eleição tem suas particularidades, tem sua história e sempre tem novos eleitores. Ricardo Coutinho, pela sua trajetória política, é sem dúvida, um fortíssimo candidato para 2020, no entanto, já foi prefeito da capital por duas vezes e isso deverá pesar em seu desfavor. O jovem Diego Tavares, se bem trabalhado o seu nome a partir de então, será o sangue novo na campanha de 2020 e poderá surpreender. Afinal, toda eleição tem um fato novo! Ricardo X Diego, sendo Diego, bem preparado e convocado para o combate de 2020, poderá representar por analogia a luta histórica de Davi X Golias, cujo resultado todos conhecem.



Fonte: Rui Galdino