Cajazeiras/PB sábado , 16 de outubro de 2021

Benefício

Drª Paula entrega à população de Cajazeiras chave de um veículo fumacê adquirido junto ao Ministério da Saúde

A deputada Drª Paula Francinete (PP) fez, na manhã desta sexta-feira (28), a entrega das chaves de uma veículo fumacê […]

dr1A deputada Drª Paula Francinete (PP) fez, na manhã desta sexta-feira (28), a entrega das chaves de uma veículo fumacê ao povo de Cajazeiras, em solenidade que contou com a participação do prefeito da cidade, José Aldemir, de vereadores e lideranças políticas. O automóvel será incorporado à frota e aos serviços da Secretaria Municipal de Saúde.

O veículo – uma caminhonete zero quilômetro -, foi adquirida junto ao Ministério da Saúde, por meio do trabalho da parlamentar, do prefeito municipal, e com apoio, em Brasília, do deputado federal Agnaldo Ribeiro (PP).

“Esse veículo não é de Paula, não é do prefeito José Aldemir. Esse carro é de vocês. Sabem por que? Porque vocês pagam imposto, e esse dinheiro vai para Brasília. Cada de um de vocês, paga imposto. E, por isso, pode pedir, reivindicar benefícios. O gari, o vendedor de picolé, também pagam imposto. E eles precisam ser respeitados”, declarou Drª Paula.

dr3A deputada ressaltou que, para que o benefício chegue ao povo, é necessário uma ponte, e a ponte, segundo Drª Paula, dever ser os políticos, os gestores. “A ponte somos nós; a deputada, o prefeito José Aldemir, o deputado Agnaldo Ribeiro. Esse é o papel do gestor, ir atrás de recursos para o seu município, para o povo que mais precisa.”, sentenciou.

Drª Paula aproveitou a ocasião para expressar sua alegria ao retornar à Cajazeiras, após um período afastada por conta de um acidente que sofreu no Tribunal Regional do Trabalho e, também, devido a sua ação parlamentar na Assembleia Legislativa, em João Pessoa.

” Quero participar dessa alegria, com vocês, ao retornar a Cajazeiras depois de sofrer uma queda. Quero agradecer as orações, pois sou grata a todos vocês. A mão divina me sustentou através da oração de vocês, foi essa energia que pediu a Deus, porque eu ainda tinha uma missão a ser cumprida. Um grande cineasta, muito jovem, sofreu recentemente uma queda,e, um mês depois, ele faleceu por conta dessa queda. É um momento de reflexão, pois somos transitórios nessa vida. Não entendo isso, como também não entendi o acidente de Pollyana, minha filha. Nessas horas, somente a mão divina pode nos sustentar”, comentou.

dr2A deputada finalizou seu discurso ressaltando que dias melhores virão para Cajazeiras e para o povo do Sertão paraibano. “Não estamos aqui fazendo favor a ninguém,mas sim cumprindo a nossa obrigação. Vamos acreditar que a luta não parou, que a luta vai continuar para melhorar a vida dos mais pobres e os mais necessitados”, enfatizou.

 

 

 

 

Assessoria