Cajazeiras/PB terça-feira , 7 de dezembro de 2021

Dra. Paula

Dra. Paula ressalta na ALPB carta da Associação Médica Brasileira pedindo vacinas, isolamento social e combate às fake News

A deputada Drª Paula (Progressistas) voltou a alertar os paraibanos para a necessidade de promover ações conjuntas com vista ao […]

A deputada Drª Paula (Progressistas) voltou a alertar os paraibanos para a necessidade de promover ações conjuntas com vista ao enfrentamento da pandemia em decorrência do novo Coronavírus (Covid-19). Em pronunciamento feito, nesta quarta-feira (24), na Assembleia Legislativa da Paraíba, ela ressaltou o exemplo da Associação Médica Brasileira (AMB), que, em carta abera, pede vacinas, isolamento social, uso de máscara.

A parlamentar informa que o documento da AMB, como o apelo “Vacina Já”, assinado por todas as 54 associações e sociedades de especialidades médicas brasileiras, também condena informações falsas (fake News) e desencontradas.

“Desmentir fake news e reforçar a relevância das regras de prevenção devem ser tarefas diárias. Assim também salvamos vidas”, diz um dos trechos do texto, conforme explica a deputada Drª Paula.

De acordo com a deputada, urge iniciativas visando à conscientização da população para a grave situação em que vive o Brasil, que se tornou atualmente o epicentro da pandemia provocada pela Covid-19.

“Para tanto, segundo a parlamentar, é necessário que a classe médica e a classe política, conscientes de seus papéis na história, promovam ações nesse sentido, como forma de ajudar o país a sair da maior crise sanitária dos últimos tempos”, declarou.

A deputada disse, também, que “O sucesso da campanha da AMB depende e será resultado da atitude solidária de cada um dos cidadãos deste país. É preciso ter consciência da gravidade a doença, e do papel que cada um pode exercer no enfrentamento da Covid-19”, lembra.

Drª Paula destaca que, na Carta, a Associação Médica afirma que os médicos fazem o seguinte alerta:
“A solução para a pandemia não está nas mãos de mais de meio milhão de médicos do Brasil. Será resultado das atitudes responsáveis e solidárias de cada um dos cidadãos do país e das autoridades públicas responsáveis por implantar as medidas efetivas que se fazem necessárias para mitigar a enorme dor e sofrimento da população brasileira”.

Vacinação Já
Ainda em seu pronunciamento, a deputada destacou trechos importantes da Carta Aberta ao povo brasileiro. Segundo a carta divulgada pela AMB, a vacinação em massa, para todas as pessoas, é a medida ideal para controlar a velocidade de propagação do vírus. “Entretanto, é impossível afirmar, nesse instante, em que momento isso ocorrerá”, diz outro trecho do documento.
“A conscientização e a atitude cidadã devem prevalecer sobre quaisquer outros aspectos e as regras preventivas seguidas à risca: o uso correto de máscara, o distanciamento social, evitar aglomerações, manter o ambiente bem ventilado e higienizando, ficar em isolamento respiratório assim que houver suspeita de Covid-19 e higienizar frequentemente as mãos, com água e sabão ou álcool gel a 70%”, pontuam os autores.
“Destacamos, por fim, que o momento torna necessárias comunicações recorrentes com esclarecimentos e orientações à saúde, por mais simples que pareçam. São elas: a vacina, o combate às fake News e a conscientização individual e coletiva para as medidas gerais de prevenção”, termina o documento.