Publicada em 04 de setembro de 2019 - 20:15

Em menos de 24h, polícia age rápido e prende jovem suspeito de assassinar a esposa em Sousa

Uma operação de investigação realizada pelo Grupo Tático Especial (GTE) da polícia civil, prendeu no início da tarde desta quarta-feira […]

jovem_tiros_sousaUma operação de investigação realizada pelo Grupo Tático Especial (GTE) da polícia civil, prendeu no início da tarde desta quarta-feira (04) próximo ao Fórum da cidade o jovem suspeito de ter assassinado a esposa na tarde desta terça-feira (03) em Sousa, no Sertão paraibano.

Irisvânia da Silva, mais conhecida como “Irinha”, de 17 anos, foi morta com um tiro de espingarda 12 nas costas efetuado pelo próprio companheiro que fugiu em uma moto após o crime.

De acordo com o delegado Ilamilton Simplício, a polícia apreendeu várias pedras de crack e uma espingarda calibre 12 de fabricação caseira na residência onde o crime aconteceu, indicando que lá era um ponto te venda de drogas.

“O acusado tem passagem pela polícia por roubo em Sousa e outros antecedentes criminais registrados em João Pessoa e Pernambuco”, finalizou o delegado.
O suspeito foi levado à delegacia de Polícia Civil e e poderá responder pelos crimes feminicídio e tráfico de drogas.
Diário do Sertão