Cajazeiras/PB terça-feira , 21 de setembro de 2021

Cajazeiras

Em plena crise restaurantes de Cajazeiras não participaram de Edital do Governo do Estado deixando de faturar em torno de R$ 79 mil por mês

Cajazeiras é uma das 11 cidades que ficaram de fora da chamada para contratação do programa do Governo do Estado […]

Cajazeiras é uma das 11 cidades que ficaram de fora da chamada para contratação do programa do Governo do Estado “Tá na Mesa” que ofertará quentinhas a população carente ao preço simbólico de R$ 1 real. O Edital com o resultado dos vencedores e as cidade foi publicado e os restaurantes selecionados deverá nos próximos dias iniciar a distribuição das refeições.

Pelo Edital, o restaurante ofertaria o preço a ser pago pelo Governo do Estado através da Secretaria de Desenvolvimento Humano, e a grande maioria venderá a quentinha ao preço de R$ 8,00 acrescentando R$ 1,00 da ficha, totalizando a venda em R$ 9,00.

Em Cajazeiras, onde foi fracassada sem participação de nenhum estabelecimento, será oferecido pelo programa 400 refeições diárias. Com esse total, o restaurante teria um faturamento de R$ 3.600,00 por dia e mensal conforme edital 8.800 refeições chegaria a R$ 79.200,00, e nos três meses de contrato totalizaria R$ 237.600,00.

Uma segunda chamada foi feita para a apresentação de propostas dos interessados.

Portal CZN