Cajazeiras/PB quarta-feira , 28 de outubro de 2020

Maxicasa

Maxicasa emite nota pública esclarecendo que não está no cadastro de empresas inidôneas

Após diversos veículos de comunicação divulgarem que a Prefeitura Municipal de Cajazeiras teria gastado milhões com uma empresa tida como […]

Após diversos veículos de comunicação divulgarem que a Prefeitura Municipal de Cajazeiras teria gastado milhões com uma empresa tida como inidônea, a Maxicasa Comércio, Construções e Serviços LTDA. emitiu uma Nota Pública esclarecendo alguns dos pontos que viraram objeto de discussão na cidade e região.

Uma parte da imprensa disseminou a informação de que a Maxicasa estava inscrita no cadastro de empresas inidôneas devido a serviços prestados no Rio Grande do Norte, porém, em momento algum foi citado o fato de que a empresa fez um pedido de revisão do processo e ele foi acatado.

Na nota a Maxicasa afirma: “o Município de Governador Dix-sept Rosado/RN, ao analisar o pedido formulado, reformou a decisão e retirou a empresa Maxicasa do cadastro de empresas inidôneas, conforme provas anexadas.”, e ainda complementa de forma direta que: “não há nem um óbice para que esta empresa continue a prestar os seus serviços ao Município de Cajazeiras/PB”.

Na oportunidade, a Maxicasa também frisou que todas as licitações em que a empresa participou e venceu na cidade de Cajazeiras, foram anteriores a sanção imposta pelo município potiguar. Além disso, a Maxicasa alerta a todos que o uso indevido da imagem da empresa e as disseminações em qualquer meio de comunicação, tendo cunho político ou não, sujeitará aos infratores penalidades, pois, todas as medidas judiciais possíveis serão tomadas.

Com Assessoria