Publicada em 16 de novembro de 2017 - 18:46

Pesquisa indica tempo ideal no sexo, e médico dá dicas para você “aguentar mais”

Rápido ou demorado? Você já deve ter se perguntado quanto tempo os outros caras duram na cama. Um estudo publicado […]

sexoRápido ou demorado? Você já deve ter se perguntado quanto tempo os outros caras duram na cama. Um estudo publicado no “Journal of Sexual Medicine” revela que uma relação sexual dura um tempo médio de apenas 5,4 minutos, mas será que as mulheres ficam satisfeitas com isso?

Segundo informações do portal britânico “Daily Mail”, a pesquisa analisou a vida sexual de 474 homens heterossexuais de Reino Unido, Holanda, Espanha, Turquia e Estados Unidos para chegar a um número mágico. A maioria dos participantes manteve os lençóis quentes durante uma relação sexual de quatro a 11 minutos antes de ejacular.

Porém, isso não é suficiente para boa parte das mulheres. Outro estudo publicado em 2004, também no “Journal of Sexual Medicine”, descobriu que os participantes desfrutaram de 11 a 13 minutos de preliminares, seguidos de sete a oito minutos de ato sexual. Parece um tempo bom, né? Mas a pesquisa aponta que elas gostariam que durasse bem mais.

Para as mulheres, o sexo ideal é aquele que dura cerca de 25 minutos de preliminares, seguido de 14 a 16 minutos de penetração. Pensando de forma geral, elas desejam que toda a experiência dure por volta de 40 minutos. Será que você aguenta? Caso esteja na dúvida, é melhor ver algumas dicas de como aumentar a resistência na cama.

1. Técnicas comportamentais
O médico do LloydsPharmacy Tom Brett também conversa com o jornal britânico indica experimentar a “técnica de aperto”, para isso, basta espremer a ponta do pênis, quando estiver perto do clímax, para evitar a ejaculação. Dar essa apertadinha reduzirá seu impulso e fará com que você demore mais para gozar. Com o tempo, você será capaz de reconhecer os pontos de estímulo e será capaz de controlar melhor o prazer.

2. Sem pressa, rapaz
Geralmente, quanto mais rápido o homem é, mais rápido ele ejacula. Ter mais calma na cama pode ser garantia de sucesso. Ah, e não fique estimulando o pênis a todo o momento. Dar umas pausas fará você atrasar a ejaculação e também te dará um maior controle sobre a situação, explica o especialista.

3. Comunicação
Deixe claro para a parceira o que funciona ou não com você. O casal precisa ter comunicação, principalmente quando o assunto é relação sexual, pois quando se sabe o que o outro deseja a ansiedade abaixa e isso ajuda a relaxar, retardando a ejaculação. Se você continuar a ter problemas, existem tratamentos disponíveis. Nesses casos, consulte um médico, pois o que pode estar te atrapalhando é a disfunção erétil.

 

 

IG