Cajazeiras/PB terça-feira , 20 de outubro de 2020

Cajazeiras

Prefeitura de Cajazeiras emite nota e desmente denúncia da oposição de uso de recursos da Covid para pagar outras despesas

A Prefeitura Municipal de Cajazeiras emitiu uma nota pública esclarecendo e ao mesmo tempo desmentindo o pré-candidato Marquinhos Campos que […]

A Prefeitura Municipal de Cajazeiras emitiu uma nota pública esclarecendo e ao mesmo tempo desmentindo o pré-candidato Marquinhos Campos que fez acusação de pagamento a posto de combustível e empresa do lixo com recursos destinados ao Covid-19.

Na nota, a prefeitura deixa claro que a denúncia não tem nenhuma consistência e reafirma o compromisso do prefeito em aplicar de forma correta os recursos recebidos, para isso foi constituída uma comissão para acompanhar os gastos feitos durante a Pandemia aplicados nas ações contra o Coronavírus.

Nota Pública

A Prefeitura Municipal de Cajazeiras vem a público lamentar profundamente denúncias inverídicas formuladas em veículos de comunicação da cidade, pelo Deputado Estadual Jeová Campos e seu irmão Marcos Campos, sobre a aplicação de recursos do município no pagamento de despesas da edilidade, notadamente, nos serviços de limpeza pública. Na denúncia sobre a suposta irregularidade, o Deputado e o seu irmão apresentaram nas redes sociais documento que comprovaria o ato, ou seja, utilização de recursos específicos da Covid-19 para pagamento da empresa responsável pela coleta de lixo. Tal documento não comprova a utilização do referido recurso, pois as contas descritas nele são de outras fontes próprias, tais como: Simples Nacional, IPVA, ICMS e FPM, o que demonstra total desconhecimento técnico dos acusadores.

A Prefeitura de Cajazeiras esclarece, mais uma vez, que há uma diferença entre o recurso federal que vem para compensar as quedas de receita, e que pode ser utilizado para pagamento de folha e de custeio em geral, e recurso que é específico para as despesas da Covid-19. Nada está sendo feito sem a observância da Lei Complementar 173 e do documento número 36060/20 do Tribunal de Contas do Estado, que dão a destinação correta para aplicação dos recursos. Esclarece ainda que, além de todo o zelo e responsabilidade para seguir os preceitos legais na aplicação dos recursos, a atual gestão do Prefeito Zé Aldemir constituiu uma comissão da sociedade para acompanhamento e fiscalização das receitas e despesas especificas da Covid-19. Essa comissão tem representantes das seguintes instituições: OAB/Cajazeiras, Diocese, Câmara Municipal, Sindicado dos Servidores Municipais (SIMFUNC), Conselho Municipal de Saúde e Secretaria de Controle e Transparência Pública. Além do mais, está sendo alimentado o sistema da plataforma Covid-19, elencada no site eletrônico oficial do município, onde qualquer cidadão pode ter acesso aos dados e informações sobre a entrada e saída dos recursos. Por fim, ao restabelecer a verdade, a atual gestão manifesta seu sentimento de profunda lamentação, diante de tamanha injustiça praticada por alguns agentes políticos que, em vez de contribuírem com soluções para o grave momento de pandemia vivido pela população, tentam, de forma desleal, macular a imagem de quem está trabalhando com honestidade e transparência. Nesta fase tão difícil de crise econômica, e de vidas sendo ceifadas, é, verdadeiramente, inaceitável que se monte palanque eleitoral, na tentativa de se tirar proveito da situação. Cajazeiras merece um debate político de nível mais elevado, com verdades e seriedade. Cajazeiras, 24 de julho de 2020.

Prefeitura Municipal de Cajazeiras CNPJ: 08.923.971/0001-15 Rua Cel. Juvêncio Carneiro, 253 – Centro, Cajazeiras – PB, 58900-000 Tel.: 3531-4383