Publicada em 15 de dezembro de 2016 - 18:59

Senador Deca participa de almoço da bancada do PSDB com Meirelles para discutir medidas econômicas

O senador Deca participou de uma reunião juntamente com os demais senadores da bancada do PSDB e o ministro da […]

bancada_meirellesO senador Deca participou de uma reunião juntamente com os demais senadores da bancada do PSDB e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles para discutir as questões econômicas que mais preocupam o país atualmente. O ministro confirmou que o presidente Michel Temer deve definir nesta quinta (15), as medidas microeconômicas que estão em análise, entre elas: Uso de parte do FGTS para pagamento de dívidas; a regularização de débitos tributários pelas empresas e a questão das dívidas dos estados.

Segundo Deca, o ministro disse que está em estudo a possibilidade de liberar até 20% do saldo do FGTS para que os trabalhadores honrem suas dívidas e, com isso, possam abrir espaço no seu orçamento para o consumo.

Para ele, é preciso ainda socorrer os estados em dificuldades, com a possibilidade de suspensão da dívida com a União por três anos e a doação de ativos estaduais que serão privatizados para abatimento das dívidas.

“A repactuação que está sendo elaborada pelo Governo Federal trata de um pacote de estímulo à economia e que terão diversas ações na área social,”, explicou Deca.

O almoço aconteceu nesta quarta-feira (14), no gabinete do senador Tasso Jereissatti (PSDB-CE) e também contou com a participação do secretário de Acompanhamento Econômico, Mansueto Almeida.

Assessoria