Chuvas fortes causam prejuízos no sertão; Cajazeiras choveu de quinta para sexta-feira 170.4 mm

Após enfrentar uma temperatura muito elevada nos últimos dias, a região do sertão do estado foi banhada por fortes chuvas que chegaram a atingir em determinados locais a marca de 200 milímetros.

No município de Cajazeiras, a chuva caída durante toda a noite de quinta-feira até a manhã de sexta-feira atingiu 170.4 milímetro conforme dados do escritório da Emater. Informações dão conta que numa localidade rural denominada Vaca morta, a chuva atingiu 200 milímetros.

No início da semana, a região do distrito de Engenheiro Àvidos (Boqueirão) foi banhada com uma chuva de 128 milímetros.

Diante das fortes chuvas foram verificados alguns transtornos e prejuízos. O abastecimento d’água do município ficou prejudicado pela falta de energia elétrica na Estação de Tratamento localizada em Boqueirão. Na sede do município, a falta de energia ocorreu durante a madrugada e até a manhã de sexta-feira (21) em boa parte da cidade.

Uma parte do muro da Escola Estadual Dom Moisés Coelho localizada no centro caiu durante a chuva.

O açude de Boqueirão amanheceu com o volume de 105.264.200m³, sendo que a tomada d’água no momento é de 1.633.200m³ de água, porem, este volume ainda pode aumentar devido à intensidade da precipitação pluviométrica que foi superior aos 120 milímetros.

Redação Portal CZN

URL curta: http://portalczn.com.br/?p=6812

3 Comentários para “Chuvas fortes causam prejuízos no sertão; Cajazeiras choveu de quinta para sexta-feira 170.4 mm”

  1. LEIA NO BLOG TERRA PLANETA ÁGUA

    http://pedroseverinoonline.blogspot.com.br/

    O PORQUÊ DA MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…
    AINDA SER CHUVOSO?

    DIA DE CHUVA EM CAJAZEIRAS-PB.

    VÍDEO: O CICLO DA ÁGUA.

    O PORQUÊ DA MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…
    AINDA SER CHUVOSO?

    Partindo de pressupostos (se conjectura… Pois, não existe “Estudo Científico”…Para defender a Tese)…De que o ciclo hidrológico, ou seja, todas as chuvas dos ecossistemas terrestre, decorre oriundo do calor do interior do magma terrestre…Além, de todas as intempéries da natureza terrestre.
    Entretanto, ao meu vê, quando vêm ocorrer uma maior intensidade de calor oriundo do interior da terra. Aonde vem aumentar as atividades vulcânicas continentais e submersas nos mares e oceanos…Além, de aumentar também, uma maior intensidades das colisões das placas tectônicas…Que vêm por conseqüências, intensificar, os abalos sísmicos (terremotos, maremotos e tsunamis)…
    Afora também, de aumentar a evapotranspiração…Decorrente do aumento do calor do lençol freático(água subterrânea)… Decorrente do calor do interior do magma terrestre… Devido encontrar camadas de combustão favorável ao aumento deste calor, oriundo do magma do interior da terra…Exemplo, jazidas de petróleos espalhadas pelos mundo inteiro, exemplo, as jazidas do pré-sal brasileiro…E aquecer mais as águas dos mares e oceanos… E a evapotranspiração nos continentes…Decorrente do aquecimento das águas dos aqüíferos e todos os lençóis freáticos existentes na hidrosfera terrestre… Favorecendo as evapotranspirações continentais…E conseqüentemente, favorecendo a formação de chuvas.
    Uma inconteste prova de que o aumento do calor do lençol freático(água subterrânea) vêm aumentar a evapotranspiração…É a microrregião de Cajazeiras-PB, que compreende os municípios de Cachoeira dos Índios, Cajazeiras, Bom Jesus e Santa Helena, localizados no Sertão da Paraíba…No extremo oeste divisa com Estado do Ceará…Pois, segundo, série histórica de monitoramento de índices de chuvas da AESA(Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba)…Deste 1995 até 2012…Mostra os altos índices de chuvas nesta mencionada microrregião de Cajazeiras.
    Então diante disto, abordado anteriormente, vamos a série histórica de monitoramento de índices de chuvas da AESA, deste 1995 até 2012…Para se mostrar esta realidade dos altos índices de chuvas nesta microrregião de Cajazeiras.

    Eis os anos… E seus respectivos índices de chuvas:
    1995 – Cajazeiras (961,9mm)
    1996 – Cajazeiras/Eng. Ávidos (1.382,5mm)
    1997 – Cajazeiras (1.151,3mm )
    1998 – Cachoeira dos Índios/Balanços (683,2)
    1999 – Cajazeiras/Eng. Ávidos (1.169,0mm )
    2000- Bom Jesus (1.386,2mm )
    2001 – Cachoeira dos Índios/Balanços (902,9mm )
    2002 – Bom Jesus (1.011,0mm )
    2003 – Cajazeiras/Lagoa do Arroz (1.005,6mm )
    2004 – Bom Jesus (1.308,5mm )
    2005 – Cajazeiras/Lagoa do Arroz (830,2mm)
    2006 – Cajazeiras (1.232,8mm)
    2007 – Cajazeiras (885,0mm)
    2008 – Cajazeiras (1.824,0mm)
    2009 – Cajazeiras (1.535,6mm )
    2010 – Cajazeiras (792,5mm)
    2011 – Cajazeiras (1.723,0mm)
    *2012 -Cajazeiras (525,7mm )* Segundo, a grande mídia nacional, um dos anos mais seco…Dos últimos 40 anos…Aqui no semi-árido do Nordeste do Brasil.

    Fonte: AESA- Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba. http://site2.aesa.pb.gov.br/aesa/monitoramentoPluviometria.do?metodo=listarAnosChuvasAnuais

    Pelo visto, índices estes, relacionados acima… Como
    2004 – Bom Jesus (1.308,5mm).
    2006 – Cajazeiras (1.232,8mm).
    2008 – Cajazeiras (1.824,0mm).
    2009 – Cajazeiras (1.535,6mm).
    2011 – Cajazeiras (1.723,0mm).

    Gira(mais ou menos ) entorno da média pluviométrica do litoral Nordeste do Brasil…Que é de 1.630,7mm

    Aqui em ordem alfabética, relacionados(suas respectivas médias pluviométricas no litoral do Nordeste por Estado):
    Aracaju(SE) – 1.590mm
    João Pessoa (PB) – 1.745,83mm
    Fortaleza(CE ) – 1.600mm
    Foz do rio Parnaiba-(PI) – 1.600mm
    Maceió(AL) – 1.677,2mm
    Natal(RN) – 1.551,7 mm
    São Luis (MA) – 1.650mm.

    • Neste balanço hidrológico, sobre os índices pluviômetros do litoral nordestino, exclui Recife(PE) – 2.458 mm e Salvador(BA) – 2.100mm. aonde farei comentários à parte, logo abaixo:

    Comentário à parte:

    • Recife(PE) – 2.458 mm…Recife, conhecida pela Veneza Brasileira… Por se localizar entre as fozes do rios Capibaribe e Beberibe…formando uma cadeia de mangues e estuários…Susceptíveis, a intensa evapotranspiração…Corroborando com tudo…Por conseqüência, como efeito dominó…Veio formar sua zona da mata…Aumentando ainda mais, a evapotranspiração…formadora de intensas chuvas no litoral Pernambucano.

    Salvador(BA) – 2.100mm…Por estar circundado pelo o oceano Atlântico…E principalmente, pela “Baia de todos os Santos”…Onde esta referida “Baia de todos os Santos…Possuir suas águas, permanentemente, mansas e mornas(temperatura média de temperatura média de 24,5 graus centígrados)… Com abundante vegetação tropical em seu entorno…Suscetível a intensa evapotranpiração…Formando o recôncavo baiano(o Recôncavo baiano é a região geográfica localizada em torno da Baía de Todos-os-Santos, abrangendo não só o litoral mas também toda a região do interior circundante à Baía.
    O Recôncavo baiano é a região geográfica localizada em torno da Baía de Todos-os-Santos, abrangendo não só o litoral mas também toda a região do interior circundante à Baía.

    Mapa da Baía de Todos os Santos

    O Recôncavo inclui a Região Metropolitana de Salvador, onde está a capital do estado da Bahia, Salvador. As outras cidades mais importantes são: Santo Antônio de Jesus, Candeias, São Francisco do Conde, Madre de Deus, Santo Amaro, Cachoeira, São Félix, Maragojipe e Cruz das Almas.A região é considerada muito rica em petróleo. Com índice pluviométrico alto, de entorno de 1.600mm…considerado alto…Por ser uma microrregião, encravada em pleno semi-árido do Nordeste do Brasil.

    Então, diante desta realidade de alto índices de chuvas na microrregião de Cajazeiras, pelo visto, na série histórica de monitoramento de índices de chuvas da AESA, deste 1995 até 2012…

    Indubitavelmente, vem se levantar o questionamento…

    (O PORQUÊ DA MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…
    AINDA SER CHUVOSO?)

    Considerando que o “Ciclo hidrológico”, for mesmo, decorrente do calor oriundo do magma interior da terra, como imagino, pois, ainda não existe “Tese Cientifica”… Aonde este referido fenômeno da intempérie da natureza… Que por conseqüência, ocorrem os abalos sísmicos (terremotos, maremotos, tsunamis, atividades vulcânicas, entre outros fenômenos naturais)…Formador do ciclo hidrológico…Está mais do que confirmado….( O PORQUÊ DA MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…
    AINDA SER CHUVOSO).

    Tudo isto abordado anteriormente,( O PORQUÊ DA MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…AINDA SER CHUVOSO)…É por que, a microrregião de Cajazeiras – PB, está encravada literalmente em cima do ainda abundantes lençol freático das nascentes nas sub-bacias dos rios : Alto Piranhas e do Rio do Peixe, sub-bacias estas pertencentes a Bacia Hidrográfica do Rio Piancó(Resolução 399/2004, ANA – Agência Nacional de águas)…Estas respectivas nascentes das sub-bacias dos rio alto Piranhas e do rio do peixe…Por possuírem um relevo, o melhor, os sub-leitos de seus relevos com formação geológicas com caracterização arenosa…

    Município de Cajazeiras
    “Terra que ensinou a Paraíba a ler”

    Não é a toa que a própria “Serra”…Que as circundam leva o nome de “Serra da Areia”…Pelo visto, com intensa infiltração das chuvas nesta microrregião de Cajazeiras…E conseqüentemente, favorecendo a evapotranspiração, favorável a formação de chuvas…E além do mais, partindo do pressuposto, que a existência de jazidas petrolíferas, serve de combustão para se aumentar o calor oriundo do magma do interior da terra… E esta referida microrregião de Cajazeiras…É literalmente, circundada pela pré-existente(pois, ainda está em estudo) a área petrolífera das Várzeas de Sousa…localizada nas nascentes da sub-bacia do Rio do Peixe…Entre os municípios de Bom Jesus-PB e Santa Helena-PB.

    Diante de todo isto, abordados acima. Podes afirmar que:

    A MICRORREGIÃO DE CAJAZEIRAS NA PARAÍBA…
    AINDA É CHUVOSO….

    P.S( PÓS ESCRITO): E se existem outras localidades no Semi-árido do Nordeste Brasil, similares a microrregião de Cajazeiras. Não será mera coincidência. E sim, similaridades… Em Causas e efeitos.

    DO ESCRITOR:
    PEDRO SEVERINO DE SOUSA
    CONTATO: (83)96657984
    JOÃO PESSOA( PB), 12.05.2012

Deixe uma Resposta

Weboy
Login | Fale conosco | Anuncie | Desenvolvido por:netinhodm@hotmail.com Free WordPress Theme
Wp Advanced Newspaper WordPress Themes Gabfire