Publicada em 05 de fevereiro de 2019 - 11:43

Terror na zona rural: Bandidos espancam, torturam por duas horas idosa e filho em Cajazeiras. Veja os detalhes:

A população da zona rural de Cajazeiras e região sente na pele a insegurança e ousadia dos bandidos. Os relatos […]

assaltobandidoA população da zona rural de Cajazeiras e região sente na pele a insegurança e ousadia dos bandidos. Os relatos dos últimos dias comprovam a atuação dos marginais das comunidades fora da cidade, á exemplo do que ocorreu dias atrás com uma família no Sitio Pau Darco.

No último sábado (03), bandidos encapuzados tocaram terror numa comunidade rural denominada Sitio Daniel próximo a Barra do Catolé. Relatos dão conta que a ação foi premeditada, possivelmente os marginais conheciam a rotina das vítimas.

Damião Maciel de Sousa, 53 anos e sua mãe Maria Maciel de 74 anos vivenciaram momentos de angústia e desespero. Os bandidos chegaram a amarrar Damião próximo a um açude onde permaneceu por cerca de duas horas. Na residência, eles fizeram ato de vandalismo na casa, tendo a senhora de 73 anos ficado sob ameaça de arma de fogo.

Após muito tempo, os bandidos fugiram levando pertences (TV, arma) além de dinheiro das vítimas.

Bastante abalado e amarrado, inclusive amordaçado, Damião conseguiu até a casa, e sem conseguir falar tentou chamar atenção da mãe que estava no interior da residência. Sem ter como abrir a porta, pois, eles retiraram a chave, a vítima pulou a janela e foi desamarrado. Durante toda a noite as vítimas ficaram apreensivos e sem ter como se comunicar com ninguém, já que eles quebraram celular, único meio de comunicação.

O medo toma conta das vítimas que ficaram psicologicamente abalados.

Após o assalto, a PM não conseguiu identificar e prender os meliantes.

 

Portal CZN